O bárbaro ataque do chavismo ao Congresso Nacional e ao Brasil

O governo petista é cúmplice político dos ataques dos bolivarianos aos senadores brasileiros. A nota do Itamaraty é cínica. O embaixador não acompanhou a comitiva do Congresso Nacional por instrução do comando do órgão diplomático.

Também não adianta dizer que o ataque aos senadores brasileiros não foi orquestrado. As milicias bolivarianas integram o governo Maduro e dele recebem recursos e instruções. A milicia que atacou os senadores brasileiros na Venezuela é a mesma que esses dias estava matando os próprios estudantes venezuelanos.

O governo que convocou seu embaixador em Israel por assuntos alheios não chamará agora o da Venezuela por assuntos seus? O que os EUA faria se uma comitiva de senadores de seu país fosse atacada e sitiada em uma missão humanitária no Irã?

O silêncio de Dilma se explica. Ela jamais adotaria uma postura de confrontamento em relação a seu aliado de Foro de SP. Dilma só reclama quando traficante é executado na Indonésia. Quando senador brasileiro é atacado na Venezuela, não se ouve uma única palavra.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s