Entre champagnes e comendas internacionais, Lula e FHC sabotam o país.

Nos idos dos anos 60, o futuro ex-presidente tucano FHC era reconhecido por esquerdistas como grande sociólogo e catedrático, e Lula posava de líder das massas ao mesmo tempo em que prestava o serviço de informante da ditadura.

Por causa de miudezas ligadas a coligações, divisões de cargos e prestígio pessoal, se “separaram” nos anos 90. FHC foi cuidar do Real, e Lula de entronizar o PT no imaginário coletivo do país como partido da ética e da moralidade pública. Hoje eles fomentam com ferocidade o ambiente ideal onde o primeiro trata de anula qualquer possibilidade de oposição real, e o segundo se encarrega de manter seu partido no poder.

Duas décadas se passaram. FHC e Lula já foram presidentes. Enquanto um come risoto de champagne em refinado casamento de médico cardiologista em zona nobre de SP, o outro recebe comenda internacional no hotel Waldorf Astoria, em Nova York. No passado, FHC e Lula estavam unidos para panfletar na porta do sindicato. No presente, estão separados para sabotar o país pelos fundos.

FHCLULA no abc
Comendas em Nova York e risoto de champgne em casamento burguês em São Paulo
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s